Trazendo remédios para o Canadá - Quick Guide



Sempre que brasileiros deixam o Brasil com destino a países que restringem a venda e o uso de medicamentos sem receita médica, o nosso doutor interior, que todo brasileiro tem (afinal, diz o ditado: de médico e louco todos tem um pouco, ou seria, todo brasileiro tem um pouco?) fica angustiado e a pergunta, como vou levar minha farmacinha (que regra inclui: antiinflamatório, antibiótico, entre outros) para o Canadá, sem ter problemas?

Uma das opções (o que eu não faria): colocar sua farmacinha na mala e rezar que os oficiais da imigração não verifiquem sua bagagem. Já disse aqui no Blog que nunca fui parada na alfandega, nem quando voltei com malas em excesso, mas isso nunca me fez arriscar a trazer ou levar itens proibidos.

Outra opção é trazer o mínimo possível de medicamentos e seguir alguns procedimentos.

No meu caso, eu comprei 2 caixas de anticoncepcional além da cartela que eu já estava usando. Junto com as cartelas eu trouxe a receita médica em português e em inglês. (Explico: meu médico viaja muito e vem bastante para o Canadá e sabia como proceder. Ele anotou a substância genérica, o que facilitaria identificar o que eu estava carregando, e também a finalidade do medicamento - isso deu um pouco de trabalho a ele e não sei se todos os médicos no Brasil estão dispostos a fazer isso). Trouxe 2 cartelas + a que estava usando pois sabia que a carência aqui é de 3 meses mas recomendo as mulheres que usam anticoncepcional a comprar umas duas cartelas a mais. Até você achar um médico, chegar sua carteira do OHIP, achar a marca que tenha os mesmos hormônios, etc...demora!

Trouxemos também antiinflamatório, antibiótico, antialérgico, e um ou outro remédio que tomamos as vezes e que aqui é um drama para conseguir.

Assisti recentemente a uma palestra sobre as regras da alfândega e descobri que é mais fácil ter problemas por causa de um vidro de xarope, que é muito usado por traficantes de drogas (não sei muito bem porque) do que um antiinflamatório. Disse o oficial, que dependendo da quantidade de xarope, é bom você estar com muita tosse mesmo!

Alguns medicamentos não são liberados no Canadá mas são nos EUA ou Brasil. Um deles é a dipirona, que é amplamente usada no Brasil (conhecida por Cibalena). Esta substância não é vendida no Canadá. Por ser proibido aqui, logicamente você não pode trazer.

Traga a receita médica original e uma cópia. Coloque as cópias junto com a sua farmácia e a original com você, com acesso fácil em caso de necessidade de entregar para o oficial.

Via de regra, evite trazer remédios. Muitos vão acabar vencendo e se você realmente precisar, seu médico de família ou walk-in clinic vai resolver seu problema e se for um caso realmente grave, corra para a emergência do hospital mais próximo da sua casa. Trazendo remédios, não viole as caixas dos remédios que você não está tomando e traga a receita médica com você.

11 comentários:

K disse...

Não penso em levar antiinflamatórios, nem antibiótico, mas o meu atroveran salvador em dias de cólica, com certeza. E muito anticoncepcional, mas esses eu estava pensando em levar fora da caixa. O meu é um que vende lá com o mesmo nome até... Será que vai dar algum problema?

Beijo,

K.

Nanny Kyrillos disse...

K, tudo bem?
Acho que não, não posso garantir.
Aqui tem um remédio para cólica que é excelente. Vou pegar o nome direitinho e escrevo aqui! Lá vai meu médico interno fazendo auto-medicação...rs...rs..este remédio é vendido sem receita médica.

Guidoni disse...

Olá Nanny,

Meu nome é Daniel. Vi seu diário sobre montreal em "Nossa última viagem de 2007 - Montreal". Achei muito bacana. Ano que vem, eu devo ir para Montreal para estudar um ano na Universidade de Montreal. Porém, eu gostaria de treinar o meu ingles.... muitos dizem que em montreal o frances predomina... Isso é verdade? Será que em um ano lah eu consigo aperfeiçoar meu ingles? e quem sabe voltar arranhando um frances? rsrsrs...

Ficaria muito agradecido se puder ajudar!

Obrigado, Daniel Guidoni.

Guidoni disse...

falando nisso, meu email é: danielguidoni@gmail.com,

Abraços,

Daniel.

;) Conexao Toronto disse...

Oi amiga!!!

Saudades.. Acabei de chegar do Brasil..

Acabei de jogar uma caixa de antibioticos fechada fora pq venceu.. O unico medicamento que usamos foi antiinflamatorio e meus anticoncepcionais (que trouxe suficiente pra um ano).
Eh impressionate a quantidade de remedios que se compra sem prescricao aqui.. As vezes muito mais fortes que os do Brasil..

BJs!

Saudades!!

;)

Jeanne disse...

Nossa, tive sorte! Não sabia que a Cibalena era proibida aqui...até hoje ainda tenho alguns comprimidos...

Sweet Canadian Life disse...

Ola,

Concordo que o unico remedio que voce precisa trazer pro Canada e' mesmo umas 2 caixinhas de anticoncepcional...o suficiente ate' chegar o seu OHIP. Nao tragam mais nada. Aqui os remedios que voce compra de prateleira sao bem melhores. Algumas substancias no Brasil sao proibidas aqui..Adivinha o por que???
Nao precisa estocar remedio (isso e' coisa de Brasil). Quando se tem emprega, geralmente o "convenio" paga 90% dos remedios de bula (prescritos pelo medico). A mentalidade aqui com relacao a remedios tambem e' outra....Prometo escrever sobre isso no meu blog soon.

Abracos,
Denise

Anônimo disse...

bom dia,
gostaria de saber o nome em ingles de alguma pílula anticoncepcional que eu encontraria no canadá (vancouver) com o princípio ativo = gestodeno 75 e etinilestradiol 20

Anônimo disse...

Não se preocupem com medicamentos no Canadá. Na primeira vez que vim trouxe vários remédios que usava. Depois de 3 anos, para minha surpresa, o unico remedio que tomei foi pra tosse a o famoso Advil para gripe. Desde então sempre que venho esqueço qq remédio. E, o mais engraçado,e, que vc tbm vai perceber é que voce raramente vai precisar de remédios aqui no Canadá. Talvez o clima, menos bactérias, vai saber....

Nandda disse...

Bom não sei se vc ainda atualiza o blog, mas vamos lá! Eu tenho problemas com ansiedade e não achei em nenhum lugar se as substâncias do meu medicamento são proibidas ou não no Canadá.Talvez vc pudesse me ajudar.

As substâncias são Bromopida e Clonazepam.

Mandy disse...

Olá!!! Queria saber o que você está achando do sistema de saúde. Tem conseguido atendimento? Li sobre a demora, mas se possível queria saber mais.

Sobre o princípio ativo de remédios, como consigo achar a tradução?

Obrigada!